segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Sobre Pedreiros e Orçamentos


Vocês se lembram sobre o post sobre preços de materiais? Aqui, ó...
Pois é, a bobinha aqui ficou surpreendida com a diferença de preço de materiais... Hum, não é nada comparado à diferença de preço de Mão de Obra.
GENTEEEEE!! SOCORRO!!!
Não fiz muitos orçamentos, mas tive os seguintes preços para subir a alvenaria do primeiro pavimento da casa:
  • O menor: R$ 2.000,00
  • O Maior: R$ 6.000,00
Ui. Pouquinho diferente, não?
O menor, é orçamento do mesmo empreiteiro que fez o alicerce. Não vou fazer com ele por alguns pequenos motivos. Devo dizer que a estrutura da casa ficou firme, e acredito que não dará problemas, mas... achei o serviço meio "porco" por assim dizer. Ele me entregou a obra sem aterrar para preparar para o piso grosso, a madeira dele acabou e ele escorou algumas valas com telhas de amianto (viche, já pensou se essa moda pega? Credo...) então ficou feio. Tem vala com barriga. Não estão tortas não, que eu conferi, mas estão com barriga de um lado e outro. Ficou FEIO, afinal.
Imagina minha alvenaria? Nem ver.
Eu gostei mesmo do que cobrou mais caro, porque o cara é muito bom de serviço. Caprichoso, rápido, limpo e muito honesto (sim, existe gente assim!). Tem fama de fazer material render, porque é bastante econômico. É mestre de obras, acostumado a fazer grandes casas, como na região da Pampulha, por exemplo (quem é de BH e Região, saberá do que estou falando...), e muito bom em acabamentos. Tem uma turma boa que trabalha com ele já tem bastante tempo e que faz o serviço pesado. E ainda tem todas as ferramentas e insumos. Fora que, rescentemente, ele subiu alvenaria de um muro perto de casa e ficou muito bom: retinho, sem sujeira, e muito firme.
Mas, o valor está completamente fora de nosso alcance, só pra subir alvenaria. Então, sendo bastante sincero com ele, meu maridon - que é show de bola nas negociações - disse que não poderia ficar com o orçamento dele por estar fora de nosso bolso. Não choramos preço não. Simplesmente falamos que não seria possível fazer com ele. Então, ele mudou a proposta:
Faz a alvenaria, o aterramento, piso grosso, escada e bate laje por... R$ 4.000,00. E ainda permite que a metade do valor seja paga com mais prazo, dividida. E que serventes, ajudantes, tábuas e ferramentas, e tudo o mais é por conta dele, menos o material, é claro, e as escoras de lage, porque meu pé direito será de 2,70 m e as escoras dele são de 3 m e ele não quer cortar.
Não ficou ótimo?
Aí, meu marido conversou com ele direitinho, perguntou se ele tinha certeza de que assim ficaria bom para ele mesmo, se não ficaria insatisfeito... E o moço disse que estava ótimo (vou anotar essa expressão, por precaução).
Então, hoje vou fazer uns orçamentos de material e quarta feira ele já começa o serviço, com os aterros e tudo o mais.
Material pedido para subir paredes:
  • 3 m de areia lavada grossa
  • 3 m de areia lavada fina
  • 15 sacos de cimento (ele quer pedir devagar, para não desperdiçar o cimento. Segundo ele, a alvenaria toda do 1º pavimento dá uns 25 sacos)
Tudo certo por enquanto.
Novidades, eu posto!

2 comentários:

Anônimo disse...

Ei Janaina tudo bem? Me chamo Josiane e moro em BH. Aqui estou começando a fazer alguns orçamentos de mão de obra para pedreiro e esse profissional, é muito dificíl contratar sem indicação. Vi que você preferil pagar mais caro do que pagar pra ver. Ainda continua com o mesmo proffissional? Poderia me passar o contato dele? Devo começar minha obra no final do primeiro simestre desse ano.
Vou deixar aqui meu e-mail caso você possa o contato. josiane.proc@gmail.com.
Bjus e brigadinho.

Anônimo disse...

Ola janaina devo começar a construir sou de contagem yambem se depois vc poder me mandar o tel deste empreiteiro para mim.
Fique com Deus. andrea@live.com.pt