segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Respondendo um coment sobre Gesso!

Olha que bonitinho que eu recebi em um post:
"Olá Janaina!

Descobri seu blog e gostei muito das idéias, minha cozinha não é muito velha, os azulejos e pisos são beges, como vou fazer minha cozinha nova, pensei nos armários brancos, com pedra em granito escuro São Gabriel e comprei uma geladeira em inox e fogão branco com inox, o teto da cozinha precisa ser rebaixado pois tenho uma viga aparente, vou colocar placas de gesso, mas gostaria de saber se ainda está sendo utilizado molduras, ou devo deixa-lo reto, me dê alguma sugestão.Quanto ao meu piso que é bege terá algum problema? Obrigada"

Vamos lá.
Caro(a) Anônimo: Acredito que com as descrições que você passou de sua cozinha, os armários, o granito, eletrodomésticos inox, vai ficar muito linda! Bege, de maneira geral, é uma boa base para qualquer tipo de arrumação e decoração, se for um bege tipo "neutro" mesmo, mais clarinho, menos pesado. Se for esse seu caso, na hora de decorar, só pingar de cores pasteis a sua cozinha, nos acessórios, e ficará um escândalo. E os eletro em inox vão dar aquele ar moderno. Seria mais fácil se você tivesse enviado uma foto, pra gente ver!
O caso do rebaixamento de gesso, vai depender muito do estilo que você quer sua cozinha. Sabe esse papo de fora de moda ou não, eu não gosto dele. Eu gosto do papo: "Eu gosto ou não" e "Harmoniza-se ou não com o conjunto".
Os tetos mais retos, sem molduras, acabam dando ar mais moderno. Os mais trabalhados, com moldura, dá aquele ar mais refinado, ou romântico, ou retrô, dependendo do conjunto.
Outra coisa muito importante para se avaliar: O AMBIENTE É A COZINHA, SENDO ASSIM, VAMOS VER: É PEQUENA? É GRANDE? É AMERICANA (ABERTA PARA A SALA)?
Por causa do caso gordura. Por melhor que seja o exaustor, a coifa, tem as escapadinhas. Quanto mais detalhes, quanto mais rasgos, mais lugares pra gordura se esconder. Mais trabalho pra dona de casa. Sendo assim, pensar na praticidade é sempre muito bem vindo.
Mas, se a cozinha é americana, então, ela tem que se harmonizar com a sala. Não quer dizer que tem que ter o teto igualzinho, mas as duas tem que formar um conjunto harmonioso.
Na hora de planejar o rebaixo, pense muito também no quesito iluminação. Distribuí-la com cuidado é fundamental para uma área de trabalho como a cozinha, que sempre é bom ser bem iluminada.
Entendeu?
Vamos a alguns exemplos de rebaixamento, com ou sem moldura, pra você se inspirar:
Simples, rebaixada da altura dos armários. Retinha e sem moldura.

 Mais elaborado, veja só:

 Nessa colocaram uma moldura da altura dos armários. Ficou charmosa.
 Particularmente, acho esse tipo de rebaixamento lindíssimo. Acredito que para uma cozinha teria que ser pensada uma iluminação diferente.
Deu para se inspirar?
Espero que tenha ajudado.
PESSOAS, AGUARDO OS PITACOS PARA QUE NOSSO(A) AMIGO(A) SE SINTA MAIS INSPIRADO(A). E TEM GENTE POR AQUI QUE ESTÁ JUSTAMENTE MEXENDO COM GESSO. VAMOS LÁ!!

3 comentários:

•Mara• disse...

OI QUERIDA, COMO VAI? VIM SÓ PRA DESEJAR UM ÓTIMO DESCANSO. BJS MARA

Prycila Patrício disse...

olá janaina.... menina, gostei demais do seu blog... ja to seguindo, naum quero perder de vista...

RENATA GAMA disse...

Oi Janaina,
Fiquei feliz em ver um projeto meu como exemplo citado no seu blog. (a primeira imagem do post) É sinal que o meu trabalho ficou legal.
Parabéns pelo seu blog, é muito bacana.
Renata Gama